English readers and other languages: Many posts are in portuguese, you can use the Translate button at left side.

Clique nas imagens dos artigos! Elas levam você para o site do artista que a criou e muitas
vezes tem assuntos relacionados ou outras imagens para expandir seus horizontes!

sábado, 1 de agosto de 2020

Perfumes e Incensos na magia Salomônica - algumas notas básicas




De maneira geral, as fragrâncias usadas na magia Salomônica têm a ver com suas qualidades e correspondências planetárias.

As correspondências podem mudar de acordo com o sistema usado e interpretação dada.

Um simples exemplo são os arcanjos Raphael e Michael que tem atribuições tanto para Mercúrio quanto para o Sol, por isso respondem muito bem nessas esferas de acordo com o que esteja sendo trabalhado.

Outra coisa são as atribuições populares digamos assim. Por exemplo, canela é muito associada a dinheiro e prosperidade, mas seria uma planta mais adequada para Mercúrio, enquanto para Júpiter a Noz-Moscada seria a ideal.

Veja, Mercúrio é mais associado a transações de negócios menores (comércio em geral), enquanto Júpiter é quem rege as grandes plantações, as grandes fortunas e também ao meu ver as indústrias.


Os incensos são citados nas Clavículas de Salomão, e se referem sempre a regência planetária dos espíritos, anjos ou dæmons

No caso da Goetia, observar as correspondências planetárias dos dæmons de acordo com sua hierarquia.
Assim temos:

  • Reis - Sol
  • Duques - Vênus
  • Príncipes - Júpiter
  • Marqueses - Lua
  • Presidentes  - Mercúrio
  • Condes  - Vênus
  • Cavalheiros - Saturno


Sobre os diversos incensos existem algumas variações nos diversos textos, Clavículas, Magus, Heptameron, etc.
No livro Magus de Francis Barret, são citados alguns aspectos, resumindo, sobre o tipo de plantas usadas na sua confecção.

Saturno - Raízes mas também árvore de olíbano.
Júpiter - frutas aromáticas, incluindo a noz-moscada.
Marte - todas madeiras aromáticas.
Sol - Todas resinas.
Vênus - Flores.
Mercúrio - Cascas ou raspas de madeira.
Lua - Folhas de todos vegetais.

Ainda do mesmo texto, nos assuntos bons, usar bons perfumes. Nos assuntos maus usar algo malcheiroso e sem valor.

Agrippa tem algumas diferenças sobre isso e da mesma maneira observamos algumas ponderações diferentes que devem ser estudadas nos grimórios para se observar qual a motivação de cada texto.

No livro Seven Spheres, Rufus Opus também comenta sobre alguns tipos de incensos e suas qualidades adequadas a cada esfera planetária, mas usa algumas atribuições diferentes.

quinta-feira, 30 de julho de 2020

Pagar só depois por resultados em magia. É calote?




Com frequência aparecem pessoas questionando trabalhos em magia e pregam que só se deveriam pagar após terem o resultado como desejam.
Com frequência vemos nos grupos algo assim:
“Respondam uma dúvida, os mago sempre cobram um preço para rituais do tipo “trazer riqueza e fortuna, trazer um Ex de volta, trazer sucesso”. Mas não temos tantas possibilidades assim, a vida é difícil então vocês poderiam fazer o ritual e coloco a cara a tapas e só se vier o resultado eu pago.” 
Outros são mais grosseiros e dizem:
“Se são tão bons, só deveriam receber quando acontecer o resultado. Então quero magia de graça para trazer Ex de volta, ser milionário, ter sexo a vontade e derrotar todos meus inimigos!”

Nota: 99% das vezes nesses grupos imediatamente aparecem vários espertalhões oportunistas se fazendo de "amigos". Pessoas que nunca participam de nada e aparecem só para oferecer seus serviços "baratinhos" dizendo que só cobram material ou até que garantem resultado.



Muito bem. Magia é um serviço e quando deverá ser paga? 

Riqueza é luxo. E você fala de obter luxo para você!
Trazer romance na marra?
Magia de Vingança?
Livrar sua cara na Justiça?
Entrar até numa briga de magia contra outros sacerdotes sem receber por isso?
Se você quer algo feito por você o pagamento é sempre devido.

Portanto alguém vai se incomodar e até muto em seu favor portanto não espere que alguém entre numa briga por sua causa sem receber nada. Se você pensa que alguém tem que trabalhar de graça por você então você é um canalha e já de cara está muito errado na situação, o que só piora tudo contra você.


A pessoa do exemplo acima fala que coloca sua cara a tapa? E quanto vale dar um tapa, bater em quem? Tirar o quê de quem não tem nada? Mais um sendo chamado de caloteiro se logo de começo se mostra desonesto?
Pelo menos neste aspecto a pessoa se ofereceu para levar uns tapas mas preciso explicar algo importante:
Sabe o que é levar tapas muito sérios de dæmons lhe cobrando? Quem fala uma bobagem dessas não pensa caso alguém aceite tal coisa. E tenho certeza de que não fariam um contrato em Cartório para isso. Você não iria gostar do que os espíritos vão fazer destruindo todas áreas de sua vida pois serão “tapas” muito duros. No mínimo um espancamenteo muito extremo em todas áreas da vida da pessoa.  Vocês fazem idéia do que é uma cobrança dos dæmons, anjos também ou de outros espíritos que deixaram de pagar? Quer ser valentão?

Muitas vezes vemos pessoas chorando nos grupos de internet por terem aplicado calote nos espíritos e sacerdotes após receber serviços feitos por entidades seja de religião de matriz africana, e também de bruxos, feiticeiros, etc. e perderem dúzias, até centenas de vezes o que pediram. O mesmo para dæmons e as famosas "promessas" para Santos da igreja que deixam de cumprir e já citei os tantos Santos da Igreja Católica que vão cobrar sim das pessoas as promessas feitas.
Uhm?
Mais abaixo comento sobre promessas feitas para espíritos, será também citado um vídeo a respeito, pois numa situação dessas serão esses espíritos cobrando da pessoa, e não nós, seja qual for o resultado.

O texto a partir daqui vai ser genérico, pois muitos se enquadram no que estou comentando.

E já adianto, um resultado válido para riqueza, seria os espíritos lhe apresentarem um emprego, ou vários, onde você terá oportunidade de mostrar serviço, crescer de cargos por ser competente, economizar cada centavo e juntar dinheiro ao longo de anos. Essa é uma maneira garantida de riqueza e conheço muitos que fizeram isso, com 2-3 empregos. Ou conseguir promoções por mérito e quem sabe chegar a diretor ou presidente de uma grande empresa. Essas pessoas geralmente trabalham duramente 7 dias por semana 15h-16h por dia sem descanso e é comum que tenham problemas de vida familiar pois trabalham para acumular riqueza e sequer acompanham o crescimento de seus filhos.
Veja que ter riqueza financeira significa trabalhar muito e não tem nada a ver com qualidade de vida.

Agora, se a pessoa nunca quiz trabalhar, nunca quiz estudar e espera um resultado milagroso com magia para se tornar milionário certamente já mostra que não tem mérito algum.

Por outro lado, riqueza quase repentina requer mais trabalho e não acontece de uma vez só. E mesmo assim será com muito trabalho de muitos anos e persistência.

Mesma coisa quando se busca um grande amor. Assim como buscar a riqueza pode significar muito trabalho e enfrentar os riscos e esforço necessários.

Vou citar um caso real, envolvendo as duas áreas, de uns quse 20 anos passados. Uma mulher minha cliente, fez uma consulta e avisei que ela que ia conhecer alguém de muito sucesso. Não foi feito nenhum ritual, mas Tarot envolve magia também. Apenas foi mostrado que seria alguém que estava no caminho imediato dela, tipo, praticamente "o cara dos sonhos" e ela era formada em Economia e fariam uma grande parceria como casal também nos negócios.
Vários meses depois ela me cobrou por não ter encontrado o seu grande amor que o Tarot havia apontado.
Verifiquei o que houve e na verdade ela teve resultado, mas não aproveitou sua chance. Isso foi confirmado conversando com ela pessoalmente. Repito, ela teve resultado pela previsão da possibilidade que havia na sua frente.
E aqui falo apenas do resultado de uma consulta de Tarot e possíveis eventos que ela não soube aproveitar. Veja, o futuro nunca é certo, observamos possibilidades. E, uma consulta de Tarot comigo também é uma operação de magia, procuramos apontar caminhos, trazer orientações para o caminho à frente e estou lidando com as energias da pessoa.
Assim verifiquei o que tinha ocorrido e ela mesma confirmou ter conhecido poucas semanas depois um rapaz que era do tipo atleta e tinha uma bicicleta esportiva. Mas o rapaz com roupa de atleta só tinha a bicicleta e conversaram por algumas horas e ele ter se mostrou muito interessado e gentil, pagou sorvete, etc. enquanto conversaram no parque por horas porém não houve um novo encontro.
Ele estava terminando a Universidade e começando uma microempresa na garagem de casa.
Ela achou pouco e literalmente descartou ele.
Para ela, o rapaz só tinha uma bicicleta e uma firma de garagem.
A nulher já pensava sobre um príncipe encantado num cavalo branco ou uma Mercedez Benz folhada a ouro e um anel de diamante no primeiro encontro.
Agora vejam a história desse rapaz. Morei na cidade e fui de uma diretoria da Câmara de Indústria e Comércio, portanto acompanhei a coisa.
Acontece que ele se esforçava para fazer a universidade de engenharia com méritos, era criativo e estava para se formar. Era também um atleta disciplinado, por isso a bicicleta e todos equipamentos. E tinha um corpo saudável como parte de sua busca por ser alguém melhor.
Acontece que esse rapaz com seu curso de engenharia inventou um dispositivo inédito para o mercado industrial mecânico, algo que toda empresa com máquinas precisa. A família dele investiu tudo que tinha, venderam o carro, fizeram empréstimos, ele comprou sua primeira máquina e montou uma microempresa na garagem de casa. Pois é, esse era o rapaz que ainda tinha sua ótima bicicleta e uma pequena empresa na garagem de casa e foi desprezado.
Foi sucesso garantido. Em 6 meses ele já estava num pavilhão alugado, com vários funcionários e mais máquinas, todas financiadas. Contiunou a crescer rapidamente e, ao fim de apenas dois anos ele tinha um pavilhão próprio, quase 200 funcionários e filiais em vários estados do país. Sem nenhuma dívida, casa própria e uma Mercedes Benz 0Km. Um caso de alguém que usou todas oportunidades e fez a diferença. Uhm?
E aquela mulher que desprezou ele, perdeu uma ótima oportunidade e sem chances de voltar atrás.
Mas tenham certeza de que esse rapaz trabalhou feito doido sempre até conquistar seu conforto. Não lembro mais o nome dele, mas na época vi seu nome citado até em revistas internacionais e recebeu vários prêmios da indústria pela sua inovação e novos negócios que criou. Casou com outra mulher linda e teve vários filhos e que tenha todas minhas bençãos.

Assim são resultados em magia também.

Na maioria das vezes existem resultados, porém nem sempre é o que se espera. Especialmente quando se lida com os dæmons da Goetia, pois torna-se uma negociação que parece até política.

São casos a se pensar.


Alguns cobram para trabalhar, outros não, cada um na sua.

Temos colegas que cobram pelo seu serviço e também outros que trabalham sem cobrar.
E certamente grupos de caridade como Umbanda e Kardecistas não vão atender para certas atividades.
Não vou questionar aqui diferenças de méritos, pois historicamente magia é uma profissão em todas culturas e sociedades. E aqueles que não cobram, tem que buscar energia e cobrir seus custos de outra maneira.
E magia é baseada na troca de energias. É algo muito desgastante.
E se esses que não cobram não puderem repor suas energias terão problemas e sei muito bem quantos desses acabam nos procurando pedindo ajuda. Gastaram o que não tinham para fazer “imagem” e querem que nós lhes salvemos. Alguns casos merecem ajuda, outros não.
Basicamente quem não cobra está pagando do próprio bolso aquilo que faz. Algumas instituições, como a Umbanda e Kardecismo, têm patrocinadores e doações que pagam os custos de infraestrutura, mas seus médiuns nada recebem pela sua energia daí ser comum vermos pessoas ligadas a certos grupos que pregam “caridade” estarem sempre em dificuldades financeiras ou familiares.
Outros que são mais organizados tem uma estrutura profissional própria e ajudam os demais como caridade usando uma pequena parcela do que recebem. O que incluí colegas que conheço e são aposentados, tem sua vida garantida pois fizeram ao longo da vida uma boa estrutura, mas ainda assim só vão ajudar geralmente casos de saúde ou calamidades, porém não trabalham para casos de riqueza, luxúria ou vingança.
Portanto, é preciso uma estrutura pessoal. Se a pessoa não tem para si que energia vai ter para “doar”?
Essa necessária estrutura é o motivo de cobrarmos pelo nosso trabalho. É trabalho e isso tem custos muito altos.


Alerta sério. Falsas promessas. 

Muitos anunciam cobrar apenas após o resultado, mas cobram materiais. E o que não faltam são denúncias de que tantos desses somem depois disso.
É uma conta simples. Tantos procuram algo “barato” e se iludem, ou são apenas gananciosos que também se acham espertos e são merecidas vítimas.
Quem vai lidar com dæmons perigosos pelo valor recebido por uma diarista para fazer uma faxina na sua casa?
A diarista certamente é uma profissional que tem meu maior respeito, são zeladoras da nossa qualidade de vida. Mas seu serviço não tem os riscos de lidar com espíritos perigosos nem requer todo estudo, preparo e estrutura para isso.
Quem é que vai evocar um dæmon que pode ferrar nossa vida por por R$ 100-200 e ainda estamos sujeitos a entrar numa briga feia por causa de alguém?
Claro que por um valor tão baixo ninguém vai na Delegacia de Polícia registrar ocorrência, até mesmo porque na maioria das vezes quem oferece isso usa nomes falsos na internet ou imediatamente se mudam de casa. Assim, rapidamente desaparecem para depois criar uma nova conta ou aparecer noutro endereço.
Esses faturam 10-30-50 pessoas num dia apenas, o que é um valor bem considerável num mês.
Faça os cálculos, digamos que a pessoa cobra R$ 200 pelos materiais. Se faturar apenas 10 pessoas por dia são quase R$ 60-80 mil por mês ou muito mais. Um grande valor muito considerável e tem gente que vai fazer qualquer coisa para faturar fácil.
Esses não estão nem um pouco preocupados com ética ou o que seja. Se aproveitam dos que estão desesperados ou dos muitos mais que se acham espertos e apenas buscam promessas fáceis e tão baratas quanto o que valorizam o que pedem.

Realmente entendo que alguns que procuram esses serviços estão realmente desesperados, porém esses por outro lado, pagam facilmente muito mais. E falo de valores 50x-100x maiores facilmente.
Certamente é necessário ponderar sobre o serviço e o valor cobrado.
Barato demais, desconfie. Se achar caro demais, exija justificativas muito claras. Tanto que pessoalmente eu só apresento orçamentos por escrito, para ser lido e questionado, incluindo garantias legais.


É preciso gerenciar a energia que usamos

Então vamos comentar sobre as pessoas que cobram pelos seus serviços. Que é meu caso também.

Certamente tenho muitas atividades que faço por caridade, para quem realmente merece e precisa e isso é algo privado, não se divulga. É uma das regras do fluir da prosperidade, compartilhar algo com quem realmente precisa anonimamente.
Certamente não atendo pessoas que logo de cara querem tudo de graça. Aqueles que realmente precisam de ajuda, eu mesmo já observo e faço contato, assim, muito raramente alguém que me peça ajuda terá minha atenção, pois já tenho uma longa lista de atendimento então lamento e peço que não insistam.
Porém muitos não querem pagar nem pelas velas necessárias apesar de terem todas condições.


Aqueles que nos pedem gratuitamente ou para pagar depois? 

Tem casos que as pessoas são corretas e pagam depois nem que seja no cartão de crédito.
Mas de maneira geral nada tem a ver com situações que são apenas busca por luxo e conforto opcionais. Mas sim, de vida pessoal, uma necessidade de família, saúde, etc.

Mas outras áreas não são tão essenciais.

Vejam, magias para forçar uma situação em geral não são consideradas essenciais para a vida, Sucesso, amarração amorosa, vingança, enfrentar brigas por motivos fúteis, etc.

Assim, acontece que riqueza é luxo. Então por que patrocinar o luxo de outros?
Veja, trabalhar apenas com uma “suposta promessa” de receber depois é diferente que fazer caridade. Gastamos muito e nem sabemos do retorno. Por exemplo, o valor que custaria uma série de rituais de Goetia para dar luxo para alguém eu prefiro usar para pagar o material escolar de crianças carentes. Ou ajudar uma família que perdeu tudo num incêndio. Ou proteger cães e gatos em condições de rua. Pelos menos para esses casos eu sei que recebo as bênçãos do universo de volta ao invés de ingratidão.

Temos casos típicos daqueles que nos procuram. Tipo a pessoa que diz que diz estar morando com a família, tem dificuldades, fazem uma choradeira típica de crianças mimadas. Verifico rapidamente que sempre foi sustentado pelos pais e tem todo luxo e conforto, melhor telefone celular, passeios, roupas, games, churrascada toda semana, etc. Portanto, na verdade tem condições, vivem de mesada e pode pagar. Portanto, a sua família que pague pois são eles quem lhe sustenta. Esses são muito comuns de aparecer e acostumados a serem mimados e nunca valorizam nada.

Outros são rudes e falam de que nós magistas teríamos que provar sermos “bons”, exigem resultados, afinal acham que fazemos milagres à vontade, que temos obrigação de trabalhar sem receber e são grosseiros falando que se nós somos verdadeiros no que fazemos então vamos lhes dar o que pedem facilmente e o risco será totalmente nosso se a operação não for do jeito que desejam e não aceitarão um aprendizado. Estes são a turma dos fracassados e não merecem ajuda.
Alguém que quer ficar rico sem fazer nada e faz jogo de palavras exigindo de nós lhes dar tudo de mão beijada merece atenção? São preguiçosos que não querem trabalhar nem estudar.
Claro que temos os casos da pessoa que seja filho(a) do dono da empresa ou algum daqueles casos de manipulação na política corrupta que ocorrem não é tão simples ter posições e riqueza. Caso contrário, terão que trabalhar!

Quem é que pede? Tem algum mérito para pretender exigir tal coisa? Qual seu crédito na espiritualidade? Qual é seu crédito conosco? E do nosso lado, qual a nossa bagagem profissional se estão pretendendo exigir serviço de graça?
Quer um automóvel esportivo de graça e não tem nem um patinete?
A magia ajuda quem trabalha, para que tenha melhores oportunidades, mas a pessoa continua tendo que fazer sua parte, terá seu trabalho que é donde virão resultados. Ninguém vai ficar rico de repente com magia. Exceto alguns resultados até folclóricos, como morrer um parente rico e receber a herança, ou ficar aleijado num acidente e receber o seguro. Situações possíveis, principalmente receber um seguro por um desastre pessoal pois parentes ricos são raros.

Entendam, nós não temos obrigação nenhuma de ajudar quem não se ajuda. Muito menos alguns por aí que aparecem exigindo serviço de graça e sendo grosseiros.
Aliás, ninguém tem obrigação de trabalhar de graça para outros seja qual for a profissão.

Que entre no restaurante e exija garçom, melhor bebida e comida e diga que não vai pagar para ver o que acontece!

Num dos meus vídeos sobre Oferendas e Promessas aos Espíritos eu alerto seriamente sobre isso.





Nós também nos precavemos

Quando trabalho para alguém, o que ela se comprometeu eu sempre notifico aos espíritos que vão cobrar da pessoa se não cumprir sua parte.
Ou seja, eu sempre apresento o pedido e informando qual a parte da pessoa. Se ela não fizer sua parte, os espíritos cancelam o serviço automaticamente e vão cobrar duramente.
Assim não perco tempo tentando cobrar caloteiros pois automaticamente os espíritos vão tirar tudo que pediu e muito mais.
Repito sempre, quando alguém tenta dar um calote nos espíritos, essa cobrança é sempre em cima do que pediu, e se não fizer sua parte, vai perder muito mais do que pediu e não apenas o que deixou de cumprir.


Pagar só depois? Aspectos práticos

Primeiro, na maioria das vezes o magista vai sofrer um calote. Literalmente seja o que acontecer a pessoa não vai pagar.
Infelizmente essa é a ampla maioria dos casos. Quando a pessoa está com dor promete de tudo. No momento que a dor passar, esquece primeiro de quem ajudou.

E os raros que pagam será ainda com muita incomodação por parte de quem fez o serviço pois automaticamente as pessoas colocam essa dívida como a última coisa a solucionarem.

O que não falta nos grupos de internet são pessoas fazendo perguntas do tipo terem "esquecido" de cumprir suas promessas e tantos calotes para a Virgem Maria que já ciei no vídeo citado acima.

Vamos repetir. Ninguém pode garantir resultados em magia. Médicos não podem assegurar a cura. Advogados não podem garantir resultado no fórum. O cozinheiro não pode garantir que você vai gostar do prato de culinária internacional que foi preparado. O arquiteto não garante sucesso no amor ao projetar sua banheira de hidromassagem num ambiente especial.
Lidamos com possibilidades como em qualquer outra profissão. Quem assegura resultados só está atrás do seu dinheiro.
E o resultado pode ser diferente do esperado, incluindo um necessário esclarecimento para a pessoa aprender o que precisa. Isso é um resultado válido.
Pessoas mudam de idéia também sem avisar e fazem coisas que contrariam todo trabalho.
Por exemplo, tive casos ajudando em processos na justiça, e mesmo com meus alertas as pessoas mudaram de idéia, fizeram outras coisas que afetaram o que foi feito. Ou buscarem se harmonizar num relacionamento e no meio do caminho se apaixonarem por outra pessoa. Exemplos são muitos.


Alguns exemplos de áreas e situações que mudam tudo

Obter riqueza.
O que é que você faz? Qual sua profissão? A magia vai ajudar a pessoa a crescer na vida e resultados começam a partir de quem é a pessoa e o que pode fazer. Se é um pedreiro, pode até chegar a dono de uma construtora, mas vai ter que fazer todo trajeto profissional até lá. Trabalhar muito. Ninguém vira milionário da noite para o dia.

Conseguir marido rico.
Beleza se encontra facilmente. Sexo também. Qual seu diferencial para alguém lhe querer para algo mais do que apenas uma mera diversão temporária? Empresários buscam uma esposa que seja realmente parceira em negócios, que sejam também boas negociantes e tenham sabedoria. E tantas vezes os que aparecem não são do tipo "galã de cinema", mas terão dinheiro.

Ganhar na loteria.
Querem o prêmio maior, mas nem compram um bilhete. Engraçado que querem os números para pagar “se ganharem”. Nesse caso é melhor eu ter os números e fazer as apostas pois ganharei sozinho sem sustentar alguém preguiçoso.

Sucesso como artistas.
Querem sucesso e fama, mas não tem talento, não melhoram o que fazem, não tem disciplina e responsabilidade. E pior, não passam pelo “teste de palco”, as pessoas não gostam de seu trabalho. Maus artistas e sem disciplina não vão conseguir sucesso nunca.

Trazer Ex de volta e amarrações.
Querem resultado em questão de horas e imediatamente pulam para outra terreira, bruxos, simpatia e só pioram a coisa ao ponto de destruir a chance que teriam. Ou pode ocorre de se interessar por outra pessoa.



Continuando, como atrapalham a si próprios

As pessoas que não pagam nada são as que mais prejudicam a tarefa que está sendo feita:
  • Não valorizam o que vai ser feito. 
  • Como não pagaram nada não respeitam o trabalho dos outros. 
  • Abusam do nosso tempo, querem atenção a todo momento. Aliás, quando somem é um sinal de que obtiveram o que buscavam e ficam quietos para não pagar nada, uma situação comum. 
  • São os que mais exigem sem ter feito absolutamente nada em troca. 
  • Independente de orientações que recebam e até ser necessárias atitudes por parte do cliente, eles não seguem as orientações necessárias.
  • Acham que não tem problema algum ir buscar outras magias o que gera mistura e conflito de energias. 
  • Não vão cumprir acordos. 
  • Facilmente colocam o carro na frente dos bois. Costumam imediatamente agir como se já tivessem resultado garantido. Por exemplo, querem riqueza fácil e se põem a fazer dívidas sem ter recebido nada, o que é um clássico exemplo de estragarem toda magia que tenha sido feita. 
  • Por ansiedade ou pura ganância, esperam milagres fantásticos até absurdos.
  • Vão falar mal de todos magistas por mais que tenham recebido ajuda. 
  • Aliás, são os que mais falam mal, e curiosamente descobrimos que em poucos dias tentarem milagres com muitos magistas. Obviamente eles mesmos estragam tudo que recebem. 
  • Querem resultado sem esforço algum. Querem riqueza sem trabalhar, querem um relacionamento de volta e continuam sendo pessoas de difícil convivência, querem sucesso profissional e não tentam melhorar o que fazem, querem sucesso artístico e não tem talento algum, etc. 
  • Muitas são mal-intencionadas e percebemos no ato que são oportunistas preguiçosos querendo serviço de graça. São aqueles que só querem se dar bem as custas dos outros e tentam ser manipuladores ou até grosseiros. 

Exemplos práticos: 
  • Nenhum restaurante deixa a pessoa comer sem pagar alegando que só vai pagar se gostar da comida e bebida que vai querer à vontade com garçom na mesa é claro.
  • Nenhum médico vai lhe atender sem receber e menos ainda fazer uma cirurgia na espera do resultado.
  • Nenhum engenheiro vai projetar e construir uma casa, incluindo comprar o terreno, materiais e toda mão de obra para a pessoa sem ter recebido. 
  • Nenhum advogado vai enfrentar o forum em seu favor sem receber por isso. 
  • Nenhum arquiteto garante que vai conquistar uma noite de sexo maravilhosa por projetar sua banheira de hidromassagem espetacular.


Muitos são extremamente grosseiros na sua cobiça. 

Certas pessoas logo de cara mostram suas más intenções. Não hesitam em chamar um profissional de mercenário, ou querer fazer um falso discurso moralista dizendo que “espiritualidade não se cobra”, porém estão pedindo riquezas, luxúria, vingança, poder, etc. que são áreas não muito espirituais.
Certamente a parte espiritual não se cobra, porém, o trabalho humano, materiais, anos de estudo e preparação, estrutura física, etc. tudo isso tem custos.

É muito diferente ajudar um caso de saúde para quem realmente precisa e não tem condições do que outra situação em que a pessoa tem o luxo de só ir em médico particular, ter as melhores clínicas e condições plenas.

Tem uma enorme diferença entre quem realmente não pode daqueles que não querem pagar nada.

Uma coisa que aprendi desde os anos 80s:
Sempre que alguém me diz que dinheiro não é importante é porque essa pessoa tem muito. E são essas que não querem pagar nada. Por isso tem muito dinheiro. 

Tem também os preguiçosos que nada fazem e querem riqueza e sucesso fácil. Não se ajudam em nada, sua vida é sempre a mesma coisa. Não buscam um estudo, não tentam melhorar a si mesmos. Querem resultado garantido para algo que elas jamais mexeram um dedo para fazer e querem tudo “fácil e de graça”. Literalmente querem comida pronta na boca. E de graça, incluindo serem paparicados. E costumam tratar mal quem lhes ajuda.

Quem não paga costuma tratar quem lhe ajuda como seu serviçal, um empregadinho sem valor algum. Infelizmente acontece muito. Essas pessoas nos tratam como lixo depois de abusarem de nossa boa vontade ao extremo. Eu não tenho compaixão alguma sobre essas pessoas mimadas.

Os piores clientes que que já conheci são sempre os que não pagam ou não valorizam nada daquilo que recebem e sempre reclamam de tudo. 


Maus exemplos, charlatões

Vamos entender que realmente existem charlatões na área. São fáceis de identificar, geralmente aceitam fazer qualquer coisa sem consulta, ou se houver sempre vai ser para vender um serviço, ou cobram barato demais, usam nomes falsos, nunca mostram o rosto, etc.

Mas tantos prontamente acreditam em qualquer charlatão que diga garantir resultado. Na prática são suas merecidas vítimas. Para cada charlatão existem centenas de pessoas que buscam justamente suas promessas milagrosas. Repito, algumas vão atrás desses de boa-fé, mas para muitos é um bom castigo pois são suas merecidas vítimas


Mas o outro lado, temos certamente maus clientes

Quando vejo tantos casos em de pessoas falarem que pagaram vários magistas sem resultado, é evidente que foram pessoas que correram atrás de algo muito barato, assim como quem busca produto barato de camelô!
Ou são pessoas que não aceitam mesmo a melhor orientação por estarem erradas, ou buscando algo impossível e deveriam desistir.

Porque falam mal de tantos? Será que tantos estavam errados? Uhm?

Quem está falando mal se foram tantos e para essas pessoas todos foram errados?

Mas, imediatamente já no dia seguinte estão procurando outro e mais outro. São ansiosas, algumas até cegas pelo desespero ou cobiça, assim não esperam e atrapalham tudo piorando sua situação.

Estes que ficam cegos pela cobiça falam mal de todos. Para eles ninguém presta. Dizem ter sido enganadadas por todos mesmo em causas impossíveis. Pessoas mimadas ou inescrupulosas. 

São fáceis de reconhecer e sempre que alguém aparece já dizendo ter sido enganada por vários, é certo que o problema na maioria das vezes é a própria pessoa e por isso não faço nenhuma questão de atender pois vai falar mal de mim também. 


Falam que magia é muito caro!

Mas nem tudo com certeza.
Tantas vezes a pessoa só precisa orientação, mas sei quantos fogem de mim quando digo que é obrigatória a consulta. Essas não querem uma voz que lhes mostre um caminho melhor e mais fácil. 

Tantas coisas na magia resolvemos com apenas uma vela e oração que a própria pessoa pode fazer por si mesma! Porém a pessoa precisa aceitar a solução.
Noutras é claro que se requer até procedimentos enormes e complexos que vão custar muito caro.

Assim, se for necessário, pode ser muito caro sim.

Pedem para ficar milionários, trazer de volta um Ex falando que fariam qualquer coisa, querem conquistar poder sobre todos, vinganças, etc. 

Se pedem algo que vale muito por que um serviço em magia para isso seria baratinho?  
Magias de amor, amarração, riqueza, poder, vingança são luxos! 

Todo serviço tem seu preço, então se você procura por algo, verifique se é algo que você tem condições de obter.

Se quer uma Ferrrari e não tem condições de manter uma bicicleta ou nem tem a casa para colocar a Ferrari ou dinheiro para a gasolina fica muito difícil você desejar serviços em magia para obter algo de maior nível.  

Então, é preciso entender que cada pessoa deveria pedir e fazer o que pode.

Eu jamais faço um orçamento que esteja fora das capacidades da pessoa e tantas vezes aviso que seria algo muito fora de seus limites e recuso por causa disso.

A espiritualidade e a magia vão ajudar quem também se ajudar.

Se a pessoa não quer pagar por nada, então por que iria receber algo?

É melhor oferecer uma única e humilde vela para obter o que se pode pedir agora do que ser ambicioso e pedir o que não lhe cabe ainda.

E mesmo uma simples vela, para quem tem méritos na espiritualidade, pode trazer resultados muito grandiosos!

P+

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Aprenda a lingua inglesa e outros idiomas!

Surreal Freedom
Author: Mark - Igreeny - Poland



Uma sugestão permanente da minha parte, por causa da minha área ocultista onde 99,9% dos materiais decentes, incluindo os autores acadêmicos mais modernos que tem seus trabalhos em inglês, é justamente fazer um curso da língua inglesa.

Eu tive a oportunidade de começar a estudar inglês aos 10 anos e depois ao longo da vida fiz uns 3-4 cursos completos ao longo de anos.
E na parte profissional, aos 14 anos ingressei na computação, isso foi lá em 1976 e todos manuais eram em inglês. Precisei aprender para ter crescimento na minha profissão.

Literalmente eu cresci sempre tendo um dicionário de Inglês do meu lado que uso até hoje! Nós sempre estamos aprendendo.

Tem vários cursos gratuitos na internet e em apenas dois anos a pessoa já vai ter um básico para nunca mais depender de outros.

E tem o Google Translate que ajuda muito, apesar de alguns erros mecânicos, mas para quem tem um curso mínimo vai perceber os erros de gramática facilmente.

Ou seja, daqui a dois anos quem não estuda continua sem saber nada.

Porém pelo mesmo motivo, em apenas nois anos a pessoa vai começar a ser independente e decobrir um universo imenso de informações em todas áreas!

Ocultismo é uma vida inteira!

E isso certamente será um grande acréscimo na área profissional de todos vocês!

Então o que são dois anos?

Comece agora mesmo!

sábado, 16 de maio de 2020

Publicações disponíveis



Ao longo dos anos tenho procurado disponibilizar vários materiais, a maioria é gratuito para download.


Livros em PDF disponíveis para download gratuito:

Não precisa se increver, nem entrar em grupo ou algum canal de Whatsapp nem nada. São gratuitos mesmo. É só clicar nos links abaixo.

 

Novo: A Magia De Proteção e Fortalecimento Com os 72 Anjos de Deus



Lista de Sugestões de Leitura - Magia Cerimonial  

 

Ars Goetia Notas sobre Hierarquias, Dias e Horas Planetárias 

 

Uso dos Quatro Elementos na Leitura Oracular

 

Fazer Banhos de Sal-grosso ou Ervas sobre a cabeça?   

 

Amor:  Como se Desconectar Emocionalmente de Alguem  


Meu canal de vídeos no Youtube: 





Outras Publicações: 
(essas são pagas)

Ritual Offerings. Livro editado por Aaron Leitch com participação também minha.
Ritual Offerings (Oferendas Rituais) une 12 ocultistas praticantes que compartilham seu conhecimento e experiência sobre esse assunto fascinante e importante.
Edição capa comum (Amazon)
Edição de luxo (Nephilim Press)

Chegando no Amor. Um pequeno livro sobre amor.  (Amazon).


Diversos:

Loja  - Store - For Sale - Itens a Venda (círculos, triângulos, etc)

.'.

Leia também: 

.'.
Consultas e atividades com Gilberto Strapazon

Consultas e Trabalhos em Magia - Portuguese text


Readings and Magic Works - English text


.'.


quinta-feira, 23 de abril de 2020

A Magia Angélica de Michael para Proteção



Está disponível meu novo texto para download gratuito sobre rituais de oração da Magia Angélica:




O nome Michael significa “"Quem é como Deus?” Ele é o Arcanjo do Sol, assim o representante da Luz de Deus aqui na Terra.
Na Igreja Católica é chamado de São Miguel Arcanjo.

Ele é o padroeiro especial das pessoas doentes, dos soldados honrados, fuzileiros navais, marinheiros, policiais, paraquedista, os guerreiros do bem de todas áreas.

Esse trabalho foi elaborado com a intenção de ajudar as pessoas que buscam o auxílio dos anjos para proteger sua vida em todas áreas, ter a grande força que nos trazem como obra do Criador Divino para nossas vidas. Michael além de protetor ajuda a abrir caminhos para uma vida melhor.

São apresentadas duas versões de uma poderosa oração para o Arcanjo Michael e destinadas a todo público em geral sem necessidade de maiores conhecimentos.A primeira oração é mais simples e para uso em qualquer momento.
A outra, é um ritual de oração elaborado a partir dos grimórios para conjurar o poder do Altíssimo e dessa maneira termos mais força na oração para o anjo Michael.


Clique abaixo para efetuar o download do PDF:






P+ 23/04/2020


.'.

Leia também: 
.'.
Consultas e atividades com Gilberto Strapazon

Consultas e Trabalhos em Magia - Portuguese text


Readings and Magic Works - English text


.'.

quarta-feira, 25 de março de 2020

A Magia Angelica de Raphael o Grande Anjo da Saúde



Texto atualizado em 11/05/2020.


2a edição atualizada disponível!
Basta clicar no link para fazer o download.



Está disponível meu novo texto para download gratuito:

"A Magia Angélica De Raphael o Grande Anjo da Saúde e Protetor dos Caminhos. Rituais de Oração"

O nome Raphael significa “Cura de Deus”, ele é o grande anjo que ajuda na saúde e protege todos que trabalham para zelar pela saúde dos demais daí também ser o mentor de todos profissionais da área da saúde, especialmente médicos, enfermeiros e suas equipes, etc.

Na Igreja Católica é chamado de São Rafael Arcanjo.

Esse trabalho foi elaborado com a intenção de ajudar as pessoas que buscam o auxílio dos anjos para proteger sua saúde e também auxiliar aos que estejam em qualquer tratamento e buscam o auxílio espiritual. Mas também, pelo aspecto de protetor de caminhos, ajudando para que as pessoas tenham uma jornada de vida mais segura.

São apresentadas duas versões de uma poderosa oração para o Arcanjo Raphael e destinadas a todo público em geral sem necessidade de maiores conhecimentos.
A primeira oração é mais simples e para uso em qualquer momento.
A outra, é um ritual de oração elaborado a partir dos grimórios para conjurar o poder do Altíssimo e dessa maneira termos mais força na oração para o anjo Raphael.


Clique abaixo para efetuar o download do PDF:




P+ 
25/03/2020


.'.

Leia também: 
Consultas e atividades com Gilberto Strapazon

Consultas e Trabalhos em Magia - Portuguese text


Readings and Magic Works - English text


.'.

quinta-feira, 19 de março de 2020

Coronavirus, um recolhimento necessário



Temos uma pandemia, uma enfermidade epidêmica amplamente manifestada pelo planeta.

Certamente motivo de preocupação, necessários cuidados e também perceber que podemos lidar isso de uma maneira um pouco mais leve.

Assim, pessoal, entendam que com um pouco de calma e bom senso vamos superar isso. Realmente a situação é grave, mas medo e pânico em nada ajudam.
Temos magistas, sacerdotes, ocultistas, espiritualistas muito renomados do mundo inteiro também trabalhando na questão. Mas precisamos da medicina e alguns cuidados simples que só dependem de cada um.

E sim, sei que é muito grave mesmo, apesar de que tantos ainda não tenham percebido isso.
Mas não adianta nada gritar, chorar, promover gritaria.

Muito menos é momento como alguns tentam, de usar isso para se promover politicamente, o que apenas demonstra que são pessoas de nível muito baixo por se mostrarem oportunistas nesse momento.

A pandemia de Corona vírus é mundial e sim, todas previsões são muito preocupantes e toda a área médica está trabalhando duramente também.

Então percebam que pânico e histeria são quase piores e muitas notícias falsas circulam piorando a situação. Para esclarecer, “Corona” é uma variedade conhecida faz muito tempo e que existe até nos pets, que não tem culpa alguma e não tem absolutamente nada a ver com a variedade humana atual que é uma mutação. Por isso esse nome aparece em vacinas de pets, desinfetantes, etc. Então protejam seus pets!

Também de nada adianta esvaziar o supermercado acumulando compras e deixar faltar para seus vizinhos. Compre apenas o necessário sem exageros a cada visita ao mercado (e mantendo a higiene).

Pense nos demais. 

E se puder ajudar os que não podem (ou nem devem) se locomover, idosos, pessoas com alguma deficiência, façam as compras por eles, mas sempre cuidando da higiene.
A precaução é o principal que devemos fazer e nesse caso, além do cuidado com a higiene, o isolamento é necessário por algum tempo para evitar o contágio.

Ficar em casa não é castigo. É apenas para dar tempo para que o vírus não possa se propagar.
Se o vírus não puder atingir outras pessoas, o problema vai cair mais rápido.

Evitando o contágio, ficando em casa, também evitaremos a superlotação de hospitais que é um problema maior pois nem os países mais ricos do mundo tem estrutura para suportar clínicas lotadas demais.

Então prevenção e bom senso são o principal.

Cito abaixo a resposta de um colega muito conhecido na nossa área ocultista, Talerman (clique para livro muito recomendado), amigo pessoal de muitos anos, ocultista do mais alto nível, e que é simples, direta e basicamente mostra sua sabedoria e bom senso. Ele mora em Shangai, China, tem família, esposa, filhos. E ele literalmente mora no centro da tempestade que ocorreu.
Shangai tem mais de 24 milhões de habitantes! Dez vezes mais pessoas do que na área metropolitana em que vivo e num espaço apertado. E com a necessária quarentena, rapidamente suas ruas sempre lotadas por milhares de pessoas ficaram vazias.

Então quantas de nossas cidades são muito menores?
Nós todos podemos fazer isso também.
Esse amigo precisou passar pelo recolhimento, saindo de casa apenas em caso de necessidade para comprar alimentos e passar todo resto do tempo trabalhando em casa da maneira que lhe foi possível.
Foi esse recolhimento de todos que ajudou a superar a crise.

O comentário desse amigo muito sábio é bem diferente de alguns que tenho visto, falando dos horrores da doença, trazendo apenas medo. Realmente, é um problema enorme, porém o principal é nos recolhermos em casa evitando o contágio e manter a calma.

Nas palavras desse amigo que é um grande Mestre em sabedoria também:
“...Estou em isolamento auto-imposto há dois meses.Todas as pessoas na China fizeram o mesmo.E funcionou bem.Portanto, se a situação piorar um pouco agora, o que significa que, se sua cidade obtiver um primeiro caso confirmado, sugiro que peça ao seu pessoal que fique em casa o máximo possível e saia apenas se for necessário.Neste momento, dizer-lhes para evitar fora de ir e levar máscaras, meditar, estudar e trabalhar em casa...”

Certamente amei as palavras dele, certamente já tivemos outras conversas durante esse tempo mas essa foi simples e direta. Recolhimento e deixar os maus ventos passarem.

Precisamos sim nos recolher, vamos sentir saudade dos amigos e familiares, mas é necessário ficar em casa. Podemos usar a internet, Whatsapp, etc. para conversar com as pessoas. Ou como nalguns vídeos que vi de áreas mais afetadas, as pessoas na sacada dos seus apartamentos conversando a distância com seus vizinhos, ou simplesmente tocando violão para ajudar todos demais a relaxar.
Alguns vão ter dificuldade em manter o trabalho, mas isso precisa ser ajustado e precisamos da cooperação e colaboração de todos que precisarem.

E aproveitem para cuidar da sua vida pessoal. Tenho certeza de que muitos vão redescobrir tantas atividades caseiras que até tinham esquecido, inclusive o saudável hábito de ler um livro.


P+ 
19/03/2020

.'.


Leia também
.'.
Consultas e atividades com Gilberto Strapazon

Consultas e Trabalhos em Magia - Portuguese text


Readings and Magic Works - English text


.'.


sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020

Vale a pena o risco de aprender magia? Qual nosso limite?

Magic Dreams
Artist: Thomas Baumgärtner - Alemanha


Com frequência alguém pergunta "se vale a pena aprender magia". Ou perguntam se teriam afinidade ou se poderiam gostar dessa ou daquela área.

Bem, primeiro de tudo, a curiosidade, o interesse tem que começar pela pessoa.

Seja a Goetia, a magia Angélica, as artes da Magia Cerimonial ou qualquer outra área da magia, do ocultismo e espiritualidade.

Essa curiosidade natural é que vai levar a pessoa a começar a ler livros, frequentar palestras, participar até de grupso de debates. Mas ela mesma precisará iniciar o seu próprio trabalho que é gradual e terá muitas etapas.
Muitos vão parar logo nos primeiros degraus. Outros conseguirão pelo menos ter um ano de aprendizado, o que lhes traz apenas uma noção básica de qualquer coisa que busquem.
Raros completarão 2-3 anos de estudos e aliás, a maioria fica nesse nível de estudo pelo resto da vida pois o que aprenderam até ali lhes é suficiente para satisfazer suas necessidades e esse é o nível médio de boa parte dos praticantes.
Alguns atingem algum degrau maior, até tornam-se sacerdotes. Isso requer no mínimo o mesmo tempo para uma universidade mais avançada. Por exemplo, Medicina serão 10 anos para um curso razoável e só então ter a licença para clinicar. Não muda muito em magia.

E em qualquer área, poucos continuarão a estudar e se desenvolver uma vida toda.

Claro que buscar autoconhecimento sempre ajuda. Por exemplo, eu posso fazer uma Consulta estudando seus Aspectos Numerológicos que poderão indicar habilidades naturais, é um trabalho que será para a vida inteira da pessoa. Mas ainda assim como a pessoa vai usar esses aspectos é algo pessoal.
Acontece que por exemplo, uma pessoa com dons de cura, pode pelo mesmo motivo ter a capacidade de "curar a pobreza", ou seja, terão capacidades para trabalhar ou lidar em finanças com sucesso. Outros poderão ter o "dom das artes", porém vão usar isso para serem médicos, vão trazer a saúde que é um dos aspectos da beleza!
E muitos usarão suas capacidades de maneira combinada, por exemplo, um artista que também seja ocultista terá outras fontes de inspiração e também usará essas técnicas em seu favor. Ou um médico que seja também magista e faça seu trabalho com assistência espiritual para curar as pessoas.


O quê você espera da Magia?

Então é preciso que a pessoa pense porque teria interesse no assunto.
Muitas pessoas esperam resultados milagrosos da magia.
Assistem filmes de fantasia onde os personagens tem visões fantásticas, apenas leem alguma frase num livro misterioso e prontamente realizam grandes obras.
Mas é preciso separar a fantasia da realidade.
Magia não é como nos filmes de fantasia e contos de fada.
Uma área como a Magia Cerimonial, que inclui a Magia Angélica/Planetária, a Goetia, o trabalho com os antigos Grimórios é uma das mais complexas e difíceis na magia. Requer anos de muito estudo, prática e aprendizado constante além de ser a mais cara de todas.
Claro que ninguém começa do topo já com todas ferramentas e materiais, será um trabalho diário para conquistar cada passo, cada pequena conquista até que com o tempo a pessoa comece a ter resultados mais palpáveis e comece gradualmente a ter méritos próprios que algum dia resultarão em ter uma verdadeira autoridade espiritual, algo que requer muitoa anos de prática intensa.


Será que vale a pena? 

Pergunte ao músico de sucesso ou ao músico amador que toca seu violão apenas por diversão em casa ou com os amigos.
Pergunte para aquela pessoa que aprendeu a cozinhar ao nível de um Master Chief internacional ou que apenas gosta de cozinhar por prazer e se desenvolveu em preparar requintados pratos para seu próprio deleite e sua família e amigos.
Pergunte para aquele que se tornou um praticante profissional de Surf ou para aquele que apenas gosta de pegar uma onda nos fins de semana.
Para qualquer pessoa que sabe alguma atividade pergunte para ela se valeu a pena o esforço de aprender.

Com certeza todos vão responder que tinham interesse pela área que escolheram, algum tipo de talento e mais que tudo, também tiveram a vocação para aprender.

Talento é algo natural da pessoal, basicamente um dom de nascença que precisa ser trabalhado para se desenvolver.
Vocação é a capacidade para trabalhar numa escolha pessoal, fazer o necessário para colocá-lo em prática.

Acontece que nem todos que tem talento também tenham vocação. No máximo serão curiosos sobre o assunto mas jamais vão mexer um dedo a respeito.

É a vocação que é o mais importante. É o desejo de realizar algo. Assim, mesmo uma pessoa com pouco talento, mas com forte vocação poderá se tornar um grande perito numa área pelo simples esforço pessoal, mesmo que precise trabalhar mais que todos outros.

Vocação é a força quer a pessoa possui para se dedicar, fazer o que for preciso.

Então para quem busca realizar algo, certamente haverão riscos.
E o maior risco de todos é ser bem sucedido!


Qualquer atividade tem algum tipo de risco.

Ir para a escola é um risco de aprender e abrir os olhos.
Sair da comodidade é um risco.
Levantar-se da sua cama de manhã diariamente é um risco.

Tudo vai fazer parte do que desejamos para nossas vidas.
Quer aprender a cultivar sua própria horta? Vai precisar aprender a sujar as mãos, os riscos de usar uma enxada ou mesmo encontrar uma cobra na sua lavoura.
E por favor! Antes de pensar em matar a cobra lembre que ela é uma predadora natural muito útil então se puder, salve sua vida e coloque ela noutro local mais adequado.
Se não sabe como fazer isso, chame o nosso amado Corpo de Bombeiros, telefone 193. Essas pessoas tem um treinamento amplo que inclui essas situações para os bichinhos que são nossos parceiros.
Por favor, evite matar essas criaturas! Elas também tem medo de nós. Assim, sempre que puder prefira ajudar para que sejam levadas para outro lugar. Os nosso amigos do Corpo de Bombeiros vão lhe orientar também sobre isso, nunca tenha receio de chamar essas pessoas que tem vocação e são treinadas para isso.
Uhm? Falei sobre vocação? Olha aí o pessoal dos bombeiros de da polícia arriscando suas vidas! Isso é ter talento para desejar a vida e a vocação para batalhar pela vida dos outros!
Para explicar, eu moro numa área de muita mata, cidade pequena. E certamente tenho amor por todas criaturas de Deus. Evito ao máximo matar cobras, aranhas, todo tipo de criatura, etc. E tem aos montes por aqui.
Por outro lado, ao fazer isso, proteger uma vida você é reconhecido pelos espíritos elementares da natureza também e contará como mérito espiritual. E sim, os espíritos todos sabem se você se importa.


Uhm? Isso faz parte do que chamamos de magia natural, como citado em Agrippa e também no livro Magus de Francis Barret (1801).
Os trabalhos de Francis Barret são profundamente baseados na grande obra de Agrippa, Os Três Livros de Filosofia Oculta, obra básica absolutamente necessária para todos que estudem a Magia.

Então se a pessoa pergunta sobre quais os riscos antes mesmo de tentar, certamente é alguém cujo interesse certamente é muito pequeno, mas sua vocação é menor ainda, pois busca apenas algo confortável, não é capaz de enfrentar seu medo de levantar da cadeira e fazer algo diferente na sua vida.

Pergunte a si mesmo por quê deseja chegar no topo da montanha?

Por que você teria interesse em fazer algo?

Pergunte para um músico profissional ou amador que ama o que faz se vale a pena ser um músico.
A primeira coisa que ele vai lhe perguntar é se você gosta de música, se sabe tocar algum instrumento ou pelo menos realmente tem vontade de aprender e enfrentar o risco de comprar um instrumento musical de qualidade que será necessário desde cedo caso queira ser realmente um bom músico.

E sendo eu mesmo também músico, eu posso dizer que a melhor coisa é começar logo de cara com um bom instrumento, pois vai lhe revelar sons melhores do que um instrumento barato e de má qualidade. E entendam, um instrumento de qualidade, mesmo os mais antigos, sempre serão de qualidade e valem a pena! Procurem aprender sobre instrumentos que são Top, mesmo com 10-20 anos, continuam sendo Top!

Esse é certamente um risco. Sabemos de tantas famílias que compram um piano, algo relativamente caro para seus filhos que logo perdem o interesse. Acontece que isso também foi um risco muito válido. Muitos se frustram na música por jamais ter um instrumento decente. Precisariam de um pequeno empurrão. O famoso artista Elton John tem até um vídeo sobre isso. Sugiro que assistam pois todos vocês que são pais, ou mesmo já idosos, entendam o que merece ser feito.



Isso é um exemplo para seus filhos ou para vocês mesmos!
Elton John é apenas um entre milhares de exemplos!

Então entenda que se você tem a curiosidade de aprender, é preciso pagar o preço do risco, experimentar de verdade e só então realmente confirmar se aquilo faz parte de sua vida ou não.

Não adianta muito perguntar para outros se isso é legal. É você quem precisa ter o motivo, o desejo sincero!

Conheci pela vida toda tantos que teriam sido ótimos nas suas escolhas de aprendizado, porém foram frustrados porque nã enfrentaram o risco e daí em diante, isso sempre será uma mácula em seus pensamentos, estarão sempre arrependidos por jamais terem tentado realmente.

Se você não tentar de verdade algo verdadeiro para sua vida, jamais terá a resposta que precisa.
Será uma mágoa, uma tristeza permanente na vida da pessoa.
Quanto custa passar o resto da vida se arrependendo de algo que nunca tentou?


Qual o teu motivo? 

O que é importante para você é se isso é algo que você teria um motivo para fazer.
Não tem sentido perguntar para outros já que pois cada um tem seus motivos.

Agora, qual seriam os teus próprios motivos?
O que você realmente quer na sua vida?

Apenas curiosidade?
Se você faz perguntas para os outros achando que vai encontrar um motivo para si mesmo, certamente não vale a pena.

Então pergunte-se: qual é o teu motivo? Isso é algo que tem que estar em você mesmo e não nos outros.

O que é que realmente acende tua curiosidade? O que é que você realmente gostaria de fazer? O que é que faria você desistir de outras atividade para poder realizar isso?

Seguindo nos exemplos, se você gosta de ouvir música é uma coisa.
Quem sabe você gosta mesmo de música e até ser um apreciador sério de música, ter grandes coleções de LPs, CDs, DVDs, assistir aos melhores shows. Isto com certeza é muito bom.

Mas se você tem o desejo verdadeiro de aprender a tocar um instrumento musical isso é bem diferente.

Você gostaria de ser a pessoa que está no palco ou apenas vai estar feliz em tocar seu instrumento em casa?
E aí outro questionamento, seu desejo de estar no palco é porque deseja fazer algo que traga algo bom para as demais pessoas ou é apenas porque deseja atenção?

Veja, é muito diferente ser apenas um curioso e ter uma real necessidade, uma motivação, um desejo ardente em relação ao assunto para então se dedicar.

Esse desejo ardente é a motivação para iniciar e persistir e enfrentar todos obstáculos do aprendizado em qualquer área.

Se você não tem motivo algum, então não terá nenhuma motivação e jamais fará o trabalho necessário, estudar, praticar, dedicar-se, aprender coisas novas.

O grande risco é você descobrir que não tem motivo algum, não apenas quanto a Goetia, mas para qualquer área de magia ou outra atividade.

Todos precisam descobrir qual seu propósito na vida. Muito mais do que apenas ter uma vida normal, uma família. Mas plantar uma semente que seja sua. Isso é plantar uma árvore que dará frutos, seja apenas para os seus ou quem sabe, para os demais.


O aprendizado da magia requer muito estudo sempre.


Você precisa primeiro pensar qual o seu motivo de existir como pessoa, e se nisso, um novo aprendizado poderia mudar algo na sua vida para atingir seus ideais e metas na vida.

Certamente, nem todos desejam se tornar grandes nas suas atividades, e isso também é normal.

Nem todo padeiro pensa em abrir uma fábrica de pães e biscoitos com a intenção de levar uma alimentação melhor para a população toda e as crianças, o que ajudaria na qualidade geral de vida da população. Pelo contrário, estarão felizes fazendo a sua parte, preparar o pão para seus vizinhos e sua família e isso já é uma grande obra com certeza que merece todo nosso respeito.
Mas isso também é ser grande! Os melhores pães e doces que comi na vida não foram feitos em grandes empresas, mas sim por um vizinho, com seu negócio local, humilde e muito digno apenas contente ao fazer muito bem feito seu trabalho de preparar um alimento gostoso para seus vizinhos e conhecidos. Isso é ser grande!

Ser grande não significa ser famoso, mas fazer bem o que faz.

Nem todos desejam ser um músico famoso como Rick Wakeman que durante sua vida inteira continua muitas horas diárias estudando e praticando para aprimorar, aprender e melhorar o que faz. Bons músicos costumam estudar em média 10h-12h por dia, todos os dias da semana, raramente com alguma folga e mesmo em férias ainda assim vão ter um instrumento por perto.
E sim, mesmo com as revistas de fofocas, que registram alguns raros momentos de farra no caso de pessoas famosas na mídia, as vezes tal coisa foi apenas com propósito de divulgação, na prática esses trabalham duro todos os dias.

É a mesma coisa no ocultismo, na espiritualidade, na magia. É algo que se torna parte da pessoa. O que eu faço envolve todas áreas da minha vida, 24h por dia 7 dias por semana. Mesmo atividades mundanas como cuidar da casa se tornam uma atividade de magia em movimento, seja varrer a casa (remover energias negativas), cozinhar (preparar e energizar os alimentos que farão parte de nosso corpo), ir fazer compras no supermercado (energias de prosperidade em movimento e lidar com a energia de outras pessoas), etc. Certamente poucos pensam assim.

Certamente isso é um processo gradual e como disse, nem todos almejam as maiores realizações.
Muitos apenas querem aprender um pouco sobre violão para seu próprio prazer pessoal e quem sabe até tocar para os amigos nalguma vez.
Outros vão querer ser um pouco melhores e vão se dedicar mais, até um nível que consideram adequado para suas vidas.
Lembro que em 1982, já tinha um teclado simples e também comprei meu primeiro violão. Eu tinha vontade de aprender a tocar música e isso quer dizer que eu realmente sentia uma enorme vontade de fazer isso. Daí que falei de vocação. Assim, por teimosia aprendi duas músicas logo no primeiro dia. Claro, que para mim foi muito. E por pura teimosia (vocação) em mais 2-3 anos aprendi mais de 100 músicas no violão e fiz um bom repertório inclusive cantando. Porém eu gosto mesmo é de teclados e sou fã de rock progressivo. Admito que jamais tive tanta vocação para realmente tocar melhor, encontrei meu próprio limite, assim me considero como um hobbysta-semi-profissional. Tenho um pequeno estúdio em casa, participei de uns 3 CDs no exterior junto de músicos conhecidos muito melhores, e participo de grupos de músicos profissionais, mas sei sempre qual é meu limite.

Assim é no aprendizado da magia. Não existem resultados imediatos, mas uma sequência de pequenas satisfações que com o passar dos anos melhoram em qualidade até que um dia a pessoa chega no seu próprio limite pessoal.

Anthony Quinn em "As Sandálias do Pescador"

Da mesma maneira muitas pessoas tem a vocação religiosa, como exemplo a igreja Católica da qual faço parte por formação de família. Pode ser alguém ativo na sua igreja, enquanto outros vão efetivamente iniciar o sacerdócio e até se tornarem padres. Poucos terão motivação para serem bispos e menos ainda, os que um dia chegarão a ser Cardeais da igreja. E algum dia, um desses poderá ser indicado para ser o novo Papa.
Porém o que poucos sabem, é na votação para um novo Papa, o candidato vai ser consultado e pode recusar o cargo. E muitos recusam. É um cargo de imensa responsabilidade espiritual e também política também e nem todos aceitam tal tarefa ou almejam chegar a isso.
O clássico filme "As Sandálias do Pescador" aborda também esse tema, sobre recusar em aceitar o cargo e suas implicações.

O resto é apenas trabalho, muito trabalho dedicado que será continuado por anos e anos até começar a ter resultados melhores pois nenhuma área de magia cerimonial é fácil, pois os retornos serão para aqueles que fazem o trabalho.

É por isso que as artes da alta magia são chamadas de "A Grande Obra", o grande trabalho, pois para realizar algo é preciso trabalhar, e isso em magia significa muito trabalho.

Por isso é você quem tem de ter um motivo para buscar a magia.

Pode ser apenas uma curiosidade mística. Eu mesmo tenho essa curiosidade, por isso aprendi e me envolvi muito a fundo em várias áreas diferentes por longos anos.
Se for algo superficial, em poucas leituras, palestras ou práticas simples a pessoa estará saciada na sua curiosidade.
Mas alguns poucos, terão o desejo de aprender como fazer pão, dominar seu violão, ou serem experts em contabilidade ou se tornarem o melhor mecânico de automóveis da região.

Perguntar para outras pessoas ao acaso é tentar se comparar com exemplos únicos que nem sempre terão algo relacionado com sua vida, seu estilo e buscas pessoais.

Se você tem interesse em mecânica de automóveis, novamente temos o exemplo de se perguntar se você quer fazer o trabalho, sujar as mãos de graxa, aprender sobre aqueles mecanismos. Ou quem sabe apenas será um motorista que gosta de ter um "carro legal". Uhm? Essa é a diferença.
Se você gosta de carros, Ok, trabalhe para ter os carros que gosta.
Mas se você quer aprender e até quem sabe construir carros, então torne-se um engenheiro, faça um universidade, trabalhe duro e poderá fazer parte daquele grupo dos que criam automóveis.
Você admira carros esportivos e quem sabe também quer trabalhar na construção de carros?
Quer o e-mail pessoal de um engenheiro da Lamborghini? Eu tenho! Risos...
Já tive oportunidade de conversar com nomes muitos famosos de tantas áreas de atividades.
Obviamente não vou repassar o e-mail dele para ninguém, mas troquei com essa pessoa muito mais que apenas uma mensagem polida, foi uma conversa legal mesmo, comentado até aspectos de família, coisas espirituais ligadas a arte das máquinas que fazem e outros aspectos. Sim, foi um conversa no nível deste artigo, admirando o trabalho deles e quantos aspectos também ocultistas existem nisso. Mas quem sabe algum dia pensem em ter um cara mais espiritualista na equipe. E sim, me sugeriu enviar curriculum para o RH deles, mas seria engraçado um Analista de Sistemas com formação de Ocultista se apresentar. Tenho meus limites é claro. Isso é uma parte necessária, sabermos nossos limites. Certamente nesse contato entrou para valer minha curiosidade sobre o assunto apenas, pois não sou mecânico, mas foi muito interessante comparar algumas áreas e poder conversar novamente com alguém que é grande na sua área. Aprendemos muito quando temos tais oportunidades.

Então nunca te compares. Ao se comparar com outros você pode se considerar acima ou abaixo desses, ou apenas vai descobrir que você é único, portanto, quais são seus motivos únicos para buscar o aprendizado da magia?

O que você gostaria de realizar? Isso seria motivo para aprender como é que se faz tal coisa?

P+
.'.

Leia também: 
.'.
Consultas e atividades com Gilberto Strapazon

Consultas e Trabalhos em Magia - Portuguese text


Readings and Magic Works - English text


.'.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...